9.4.08

repouso alegre

Sair do ambiente hostil de São Paulo. Aqui temos que lutar todos os dias para que nosso trabalho seja reconhecido. Luta árdua. Muitas vezes em vão. Nessa loucura que é a nossa metrópole. Que respira teatro. Mas muitas vezes sufoca. Terra das oportunidades. De nenhuma. Experiência reconfortante.

Foi assim que eu, René e Octávio, representando a Cia. dos Imaginários, saímos pela estrada. Para encontrar. Em Pouso Alegre. Cidade mineirinha. Hospitalidade.

Imaginários que somos. Não imaginávamos. Aqui tanto tempo lutando por respostas. Lá. Pessoas se mobilizando pelo nosso trabalho. E assim, nosso "Cavaleiro da Triste Figura" pode pela primeira vez se esbaldar. Sem ter que matar nenhum monstro. Sem perder um dente sequer.

Pessoas agradecidas por estarmos lá querendo mostrar o nosso espetáculo. Trazendo cultura para uma terra tão carente dela. E as coisas foram acontecendo com tanta facilidade. Que, sem que percebêssemos. A proporção de tudo foi aumentando. E o Quixote talvez dê suas voltinhas de bicicleta pelo Teatro Municipal da cidade. Lindo. Diga-se de passagem.

"Acho que o Teatro Municipal é mais apropriado pro espetáculo" disse a doce Adaysa Fernandes, responsável pela infraestrutura da Univas, que junto com o colégio Anglo nos convidou para ir para lá. Sem saber. Que estávamos perplexos diante daquilo tudo. Calejados que somos.

Precisavam vocês serem mosquinhas para ver as nossas caras ao adentrarmos naquele teatro. É apropriado sim. É apropriado para o sonho de qualquer companhia. Sair de São Paulo. Ser bem recebido. E ver gente que se importa com o que você faz.

Eu apresentaria até na praça de Pouso Alegre.

Pois tenho certeza de que lá.

Quixote.

Estará bem longe dos leões.

7 comentários:

René Piazentin disse...

Que venham os leões.

Kedma Franza disse...

Olhaí. Esse é um jeito de fazer uma atriz chorar. Sem precisar pedir.

Rudinei Borges disse...

Cada palavra sua me faz bem! Como conhecer o seu grupo de teatro? Como fazer parte dele?

Ouço Bob Dylan. Vc gosta?

Rudinei Borges

Lélia Campos disse...

Parab�ns pelo blog! Acabei de criar o meu, e este j� est� entre os que recomendo. � mesmo uma tarefa dif�cil a que se prop�s, mas voc� est� indo muito bem! Continue...

Caio Marinho disse...

Me senti acolhido e reconfortado...
Lindo!

Adaysa disse...

Fiquei emocionada. Sem palavras...
obrigada pelo carinho...
eu aplaudiria vcs atá na praça.
beijos

Mari Viana disse...

Tá chegando. Ansiedade. Medo. Ah! Vai ser bonito né, Dan?

 
eXTReMe Tracker